PENSAR É TRANSGREDIR - Lya Luft
Esse é o meu primeiro contato com Lya Luft. Pensar é transgredir é um livro com cinquenta crônicas onde Luft fala sobre os mais diversos assuntos, sempre com uma opinião contundente e inspirada.
Família, filhos, casamento, questões nacionais ou internacionais, eventuais questões emocionais, em cada crônica um assunto que nos leva a proposta mencionada no título, pensar é transgredir, sair da opinião normal, do senso comum.
Pensar é uma forma de questionar a realidade acomodante, uma maneira de ser original e não estar tentando seguir a onda, a multidão.
É isso que se constata lendo os textos de Luft em Pensar é transgredir, um alguém que está em paz com seus conflitos, com suas incertezas e não procura uma verdade absoluta pregada pela voz da maioria.
O elemento que me faz gostar de crônicas é o quanto eu posso me envolver com elas e me ver nas situações relatadas nela, não vou dizer que me identifiquei com a maioria em Pensar é transgredir, sobre filhos, casamento, mesmo as situações urbanas não dizem nada à garota provinciana que sou eu. Mas as poucas com as quais me identifiquei entram para o rol de especiais.

" Espero que você não ache que prazer é ruim. Opte pelo positivo. Queira ser um pouco feliz, entusiasme-se por alguma coisa possível de atingir dentro de suas condições, faça um esforço para se libertar do pessimismo."


2 Comentários

  1. Muito bom o trecho que você colocou; li pouca coisa da autora, nenhum livro inteiro. Gostei do post.
    petalasdeliberdade.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. Ola
    eu não conhecia essa autora e nem o livro mais parece ser interessante.

    momentocrivelli.blogspot.com.br

    ResponderExcluir

Obrigada por visitar meu espaço. Fico muito feliz com comentários, mas apenas sobre a postagem. Opiniões, elogios e críticas construtivas são bem-vindos.
Para outros assuntos, use o formulário de contato.