Nós que não escrevemos romances, nem livros de História, nem livro nenhum. E nós?
Ralph Ellison.

Das várias leituras que eu posso fazer disso, penso no meu umbigo, no caso, no nosso.
Quem sou eu na História? Quem somos nós? Pra quem importa saber de nós?
Esta semana com a greve da PM, alguns jornais da televisão mencionaram Recife. Uma garota no Twitter lembrou: 'Se fosse em São Paulo, a Globo estaria dando destaque e fazendo chamadas a cada meia hora. '

Passamos a vida lendo, assistindo a história dos outros. Assistimos às novelas do Sudeste, copiamos um modo de vida, sabemos mais das notícias de longe que de nossa cidade.
Ainda esperamos que outros contem a nossa História.

Descontextualizando, parafraseando...
E nós que não lemos nossos romances, nem nossos livros de História? E nós?


Deixe um comentário

Obrigada por visitar meu espaço. Fico muito feliz com comentários, mas apenas sobre a postagem. Opiniões, elogios e críticas construtivas são bem-vindos.
Para outros assuntos, use o formulário de contato.